Indústria de máquinas e equipamentos prevê alta de 31,6% em investimentos.


04.05.2021 Os fabricantes da indústria de máquinas e equipamentos preveem investir mais de 6,7 bilhões de reais neste ano, uma alta de 31,6% em relação ao volume aplicado em 2020, quando foram desembolsados 5,1 bilhões de reais. Os dados fazem parte de uma pesquisa da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq).


Entre os investimentos esperados para 2021, 36% devem ser destinados à ampliação da capacidade industrial, 34,2% para a modernização tecnológica, 21,9% na reposição de máquinas depreciadas e 8% em outras áreas. “Em função da perspectiva do aumento das vendas de 6,9% em 2021, as empresas estão ampliando seu parque industrial e os postos de trabalho para atenderem as encomendas”, explica João Carlos Marchesan, presidente do Conselho de Administração da Abimaq.


As grandes empresas estão mais dispostas a investir em 2021, com uma previsão de 59%, contra 41,3% das médias empresas e 34,9% das micro e pequenas. “Dada a incerteza do cenário de crise ocasionada pela pandemia, muitas empresas suspenderam seus investimentos e até mesmo fecharam suas portas no ano passado. Agora em 2021, com a perspectiva de recuperação motivada principalmente pela vacinação, as empresas estão otimistas para recuperarem seus investimentos”, afirma Marchesan.

whats_texto.png